Prepare-se!

Sempre desconfiei dos planejamentos para os próximos cinco anos. Mais que cinco anos, então, acho um ato de completa insanidade. O mundo em que vivemos não merece confiança. Alguém esperava a pandemia do COVID-19? Não restou pedra sobre pedra dos planejamentos e peças orçamentárias elaborados pouco antes.

Para quem juntava os cacos do que havia restado em destroços, eis que surge uma guerra afetando a vida de todo o planeta. Alguém previa tamanha loucura tão logo a pandemia apresentava sinais de apaziguamento? Toca jogar no lixo novamente os esboços de programações.

Cá com os nossos botões: planejamentos existem para satisfazer a necessidade de controle de líderes, aplacar o medo e lidar com a fantasia da escassez. Um artifício para enfrentar os ruídos externos tendo como resultado o efeito-colateral de incorporá-los, transformando-os em ruídos também internos.

O que fazer então? Esperar de braços cruzados?

Claro que não! É importante preparar-se. Atenção: o verbo não significa planejar. Se o planejamento é a busca de controle, a preparação é a busca de competências. O primeiro aplaca o medo, o segundo aguça o desejo.

Para ficar mais claro: planejamentos definem alvos a alcançar, em geral traduzidos por números. Preparação é o fortalecimento da seta por meio da integração de competências, valores, propósito e espírito de equipe, tornando-a apta a alcançar o alvo. Mais eficaz do que definir o alvo é fortalecer a seta.

Não sabemos o que vai ser do mundo daqui a cinco anos. Não existem mais futurólogos como nas últimas décadas do século passado. Os que ainda estão vivos preferem manter-se em silêncio a correr o risco de ver suas previsões em livros que vão chegar cedo aos sebos.

O mundo é tão pouco confiável que se torna difícil fazer apostas até para o próximo ano ou mesmo para mais adiante no que estamos vivendo agora. Mas se o mundo não é digno de confiança, a vida é.

Existe uma ordem natural que nos conduz ao melhor. Interferir mais atrapalha do que ajuda e os planejamentos costumam interromper o fluxo natural. No entanto, é preciso estarmos prontos e preparados. Quando a seta está fortalecida o alvo surge, na forma de oportunidades   não previstas, como uma história aguardando para ser contada.

Prepare-se, portanto, para contar a sua!

 

 

 

Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Quem leu esse artigo também leu esses:

  • Bendito direito de maravilhar-se!

    Para uma criança, o mundo é um grande laboratório. Muitas são as descobertas, tantas as...

  • Parada brusca

    Quando viajei pela Itália, aluguei um confortável Mercedes para dirigir nas estradas da Toscana. Ao...

  • Relacionamentos atrapalham decisões

    Concorda? Duvida? Então pense em quantas vezes deixou de tomar determinada decisão ou resolveu algo...